sexta-feira, 14 de abril de 2017

Feliz ou Triste Páscoa?


Primeiramente gostaria que todos vocês, nobres leitores, atentassem na finalidade desta postagem, que nada mais é que uma reflexão sobre a Páscoa,  cristianismo e o seu simbolismo. Às pessoas que não possuem religião ou aos ateus, digo-lhes, que contudo, leiam.
Se pesquisarmos no Google Imagens a palavra "Páscoa", veremos que o retorno é uma "floresta de cacau", como costumeiro, assim igual ao Natal, o mercado transforma o sentido das coisas para captar o máximo possível para a economia, traduzindo assim o consumismo imediato e imputador. Sendo assim, quando falamos em Páscoa, logo o consumismo nos transmite uma imagem incoerente, a de um coelho, isso soa até engraçado, estamos em um feriado por causa de um coelho que põe e traz ovos de chocolate (isso mesmo)...
A Páscoa, na tradição cristã, marca o momento em que Jesus Cristo, após todo o conflito político-ideológico, foi torturado, escolhido pelo povo entre bandidos e crucificado, então o estopim deste tributo é a sua ressurreição.
A imagem de Cristo neste intervalo de sua vida é a de alguém que excessivamente sofre por um ideal, no seu caso, o amor pelo mundo, que mesmo após ser traído por um dos seus melhores amigos e seguidor (seguia de verdade, não tinham redes sociais na época) com um beijo, preso e torturado, voltou à vida para provar sua condição de filho de Deus e sua benevolência diante das mesmas pessoas que aceitaram sua morte em troco de sua liberdade política, isso na cruz ele pediu perdão ao seu Pai pelos humanos, atualmente este é o símbolo de "besta" que os próprios cristãos chamam aquela pessoa que luta por um bem maior, que não cai fácil, que ressuscita diante das dificuldades e faz sacrifícios por um amor maior.
Jesus Cristo deve ser para os cristãos o símbolo de humanidade, de bondade e de amor. Já para os que não creem, ainda assim, esta história é o verdadeiro símbolo de que a humanidade precisa. Portanto, caros leitores, independente de sua fé ou de sua crença, esse homem é o exemplo do que precisamos neste mundo formado de ódio, até mesmo por aqueles que são cristãos, é nesta ressurreição diária, que acreditemos na ressurreição de nossa bondade e do nosso bem para com o mundo, porque isso sim será demonstração de amor, não é SOMENTE ir à missa ou culto, rezar um terço ou jejuar, é muito mais do que isso, são nossas atitudes que demonstram nosso verdadeiro compromisso com nossa fé e índole.
Para responder ao título: feliz pela ressurreição!
Feliz Páscoa para os cristãos! Feliz Coelho da Páscoa para os não-cristãos e feliz humanidade para todos!
(Postagem adiantada para que possamos aproveitar o feriado)

Nenhum comentário:

Postar um comentário